Sunday, October 09, 2011

O Tio Renato

De longe ele vinha
E eu esperava
No bolso, sempre muitas balas e doces!
Adentrava pela varanda imensa
Uma altercação intensa
Risadas, correria!
Vê-lo era sempre uma alegria!
Homem velho com mente infantil
Da ruindade alheia, pouco entendia
A pele moura, mui vezes, pálida
Cabelos bem negros, silhueta esquálida
O olhar perdido e meigo
O paletó escuro meio amarrotado
Mas como era esperado!
Na fala meio confusa,
Despejava o que tinha: um grande coração!
Porém um dia, triste dia...
Nunca mais à varanda voltou!
Nunca se soube, nunca se viu...
De lembranças, só o retrato
De nosso tio, chamado Renato.

1 comment:

Tatiana Bonotto Cake Designer said...

Olá querida, estou aqui novamente para convidar você para participar do SORTEIO DE BRIGADEIROS GOURMET que estou fazendo no meu blog.


Estou esperando você lá!!!

www.tatidesignercake.blogspot.com