Tuesday, May 10, 2011

Quietude




Quietude...
Longitude...
No silêncio, pensei...
Na vida
Nas coisas
Nas pessoas
No que importa
E no que nem tanto...
Quietude, longitude...
No silêncio pensei
E voltei
E ao voltar
Todas as coisas foram
Para o devido lugar
Segundo a sua importância
Quietude, longitude...
No silêncio é bom pensar!

Luísa Dalartesa